Nokia 808 PureView

Vamos falar do Nokia 808 PureView, sim isso mesmo, desse ótimo aparelho que já nasceu com um software morto devido a cruzada da empresa finlandesa que resiste bravamente com seu Symbian para não se entregar de corpo e alma a Microsoft, vamos as especificações:

  • Tela de 4” com Gorilla Glass e resolução de 340×640 pixels AMOLED, ClearBlack , 16 milhões de cores, com sensor de luminosidade, proximidade e orientação.
  • Processador single core de 1.3 Ghz
  • Conexões sem fio: DLNA, Bluetooth 3.0, Tecnologia NFC, WLAN IEEE 802.11 b/g/n
  • Memória RAM de 512MB
  • Memória interna de 16GB
  • Bateria de 1400.0  mAh (6 horas de duração com uso intenso)
  • Conectores: USB-OTG, Conector Nokia AV de 3,5 mm, HDMI-D, Micro-USB-AB
  • Sistema Operacional Symbian  com suporte a Flash lite e HTML 5
  • GPS com A-GPS e Nokia Mapas
  • Câmera com sensor de 41MP, lentes  Carl Zeiss, Flash Xenon , zoom digital de 4x e tecnologia PureView
  • Filma em 1920x1080p Full HD com 30fps e Zoom de 12x

 

 

Pros: Excelente e inigualável fotografia com a fantástica tecnologia PureView que consegue unir a maior quantidade possível de pixels em apenas 8MP deixando a granulação imperceptível, filma em Full HD com a resolução que nenhum outro celular alcança, excelente qualidade na reprodução de músicas (como sempre foi na Nokia) e roda vídeos em 1080p sem engasgos e com um brilho sedutor, tela com boa qualidade e ótimo ângulo de visão, ótimo material utilizado para fazer o acabamento do aparelho (tradição Nokia em smartphones).

Contras: Aparelho já vem de fábrica com um sistema operacional falecido no mercado de smartphones, apesar dos 41MP, você conseguirá fotos maravilhosas apenas com 8MP porque a tecnologia PureView ativa nessa resolução, apesar da tela ser boa isso não foi o suficiente para bater telas como as da Samsung e dos próprio Lumias também, o design do aparelho não é nada inovador, o processamento fica a desejar, poucas opções de aplicativos como os jogos e personalizáveis, portanto se você esta habituado ao Android e iOS fique neles mesmo.

 

Related Posts